Ubuntu 9.10 modem 3G ZTE

Na versão 9.04 do Ubuntu coloquei neste post alguns passos necessários para o funcionamento correto.
Como de costume, fiz exatamente a mesma coisa, a diferença que foi encontrei este software que ajudou bastante.
A única coisa que me deixava irritado era a necessidade de ligar o computador com o modem conectado para ele ser reconhecido como modem e não como driver USB.
Porém hoje, quando fui instalar o Ubuntu 9.10 em um notebook Positivo, toda a instalação foi perfeita, tudo funcionou muito bem, inclusive a placa wireless que no meu Dell Vostro não havia funcionado.
Depois de tudo ok, fui configurar o modem 3g, baixei o MC Manager, executei o programa com o modem conectado no PC. O detalhe importante é que não tinha script no meu udev ainda. Não sei qual foi o motivo, cliquei no ícone do driver do dispositivo que o modem monta e ejetei. Com o MC Manager aberto percebi que após
10 segs o software reconheceu o modem, perfeito!
Foi a aí que tive a idéia de criar uma conexão Mobile no Gerenciador de Rede e, por minha surpresa (na verdade eu já imaginava que ia dar certo), a criação
da conexão foi na forma NNF (next, next e finish). O software já possuia as configurações da Brasil Telecom,  minha empresa de internet 3G, bastou apenas clicar em conectar.
A partir de agora, removi meu script do diretório udev que não permitia ser montado o driver USB assim posso conectar o modem a qualquer momento sem necessitar que o pc esteja desligado. Basta quando, aparecer o driver
do modem, clicar em ejetar e logo ele será reconhecido como um modem. A partir daí é só conectar e ser feliz!
Segue algumas telas da conexão 3g:

Próximo passo, procurar/programar um script que desmonte automaticamente o modem assim que for reconhecido. Muito provável algumas alterações no script que havia do udev irá ser suficiente.

Anúncios

Botões do Eclipse/Aptana, etc… no Ubuntu 9.10

Olá Pessoal!

Para aqueles que, como eu, estão tendo problemas com o Eclipse/Aptana no Ubuntu 9.10, segue a dica que encontrei neste blog.

Pode-se criar um arquivo bash com o seguinte conteúdo:

!#/bin/bash

export GDK_NATIVE_WINDOWS=1

/caminho_do_eclipse/eclipse

Dê permissão de execução:

chmod +x script.sh

Agora, ao invés de executar o eclipse execute script para utilizar o eclipse.

Outra forma de resolver o problema sem ter necessidade de criar o script basta, como root, adicionar a linha:

GDK_NATIVE_WINDOWS=1

No final do arquivo /etc/environment. E basta reiniciar o pc.

Atualização / Instalação 9.10 Dell Vostro 1310

Este post tem a intenção de mostrar minha experiência na instalação/atualização da nova versão do Ubuntu 9.10. Lembrando que uso Ubuntu desde a versão 5.04 e que já passei várias vezes por atualizações e/ou instalações de novas versões.
Tenho um pc comum e um notebook Dell Vostro 1310. Como de costume, atualizo sempre o desktop primeiro e depois o notebook, seguindo esta sequência, optei pela instalação e não atualização no meu desktop.
Como possuo minha partição home separada da partição root (/), não preciso fazer backups do meu diretório home pois esta partição sempre fica intacta.
Baixei a iso e, via USB Startup Disk Creator no 9.04, criei o “live usb” para instalação. Ao bootar com minha pendriver já me deparei com a nova tela de carregamento e já notei a primeira melhoria, muito, mas muito mais rápido mesmo o boot.
A instalação ocorreu sem problemas nenhum tudo muito rápido, em menos de 30min já tinha meu desktop todo pronto bastando apenas desinstalar o Empathy e colocar o Pidgin ;).
Outra mudança que não me agradou, além da troca do Pigdin, foi um ícone que centraliza os software de comunicação na área de notificação, já removido também.
Ok desktop perfeito! Vamos para o notebook.
No notebook a primeira opção foi a atualização para não perder muitos software que já havia instalado. Comecei o processo de atualização quando chegou no passo de adquirir os pacotes, fui dormir.
Manhã de sábado abro o note, pacotes baixados, vamos para instalação dos pacotes, instalando….
….
instalando blender….
….banheiro…
…café….
…instalando blender opa!

mexo no mouse, nada, ctrl+alt+F1(F2,F3) nada. Dedo no desligar…

…reiniciando, tela de erro que não pode montar as partições (medo)…

…reiniciando novamente agora com live 9.10, ok

e2fsck com todas opções possíveis, nada resolveu.

Ok vamos instalar do zero então.

Boot com pendriver a mesma usada para instalar o desktop:

primeiro problema: sem sinal de wireless Broadcom Corporation BCM4312 802.11b/g, aí fica aquela pergunta “Por quê as coisas deixam de funcionar em uma nova versão?”
Pôxa, coloco o meu cd do 9.04 e a minha interface de rede wireless já sai me pedindo senha, coisa mais linda, se estou atualizando, no mínimo, o que funcionava deveria continuar funcionando, infelizmente neste caso não foi o que aconteceu. Só pensando, se não tenho rede cabeada, como um usuário que compra um pc nas casas bahia vai resolver isso?
Ok rede cabeada conectada, vamos aos famosos drivers proprietários, placa de vídeo  nVidia Corporation G86 [GeForce 8400M GS] nem sinal de aparecer como sugestão para driver proprietário o driver da nvidia, só aparecia o driver da placa wireless.
Ao tentar ativar o driver proprietário da placa wireless nada acontecia, pacotes eram baixados porem voltava para a mesma tela sem estar ativado o driver.
Café para os nervos, pãozinho para alimentar…
Foi quando comia que me veio a seguinte idéia, será que não ficou guardado informações da instalação do Desktop que afetaram a instalação do note, como os drivers. Bom só existia uma forma de descobrir criar um novo boot na usb.
No desktop já com o 9.10, fui criar o boot.

– primeira tentativa, erro.

– formato a usb

– segunda tentativa, erro novamente

– pego outra pendriver

– nova tentativa, erro

Conecto na rede msn com meu pidgin e pergunto para o meu colega (Henrique EMO), cara tenta criar um boot na usb com teu 9.10 por favor e me avisa se tudo ocorreu bem. OK, respondeu ele.

– alguns minutos depois…

– não consegui dá erro.

Pronto mais uma coisa que funcionava e parou de funcionar. Fui obrigado a bootar com meu santo cd 9.04 e criar o boot na usb sem problema algum.

Ok, boot criado, voltando para instalação do note.

Ok sem wireless novamente porém todas opções, inclusive de vídeo, de drivers proprietários estavam lá. Instalação concluída com sucesso, placa wireless, enfim, funcionando e placa de vídeo também.

Próximo passo flashplugin. Abro o firefox acesso o google e simplesmente os vídeos começaram a tocar, diferente da 9.04 que precisava instalar o plugin. Mas como nem tudo são flores. Fiquei surdo? Vídeo que escolhi não tem som? Não, simplesmente o som do vídeo não funcionava, para ter certeza que não era um problema pontual do note, fui no desktop e o mesmo problema ocorreu. Pergunto novamente, o que o usuário que comprou o pc nas casas Bahia vai fazer?
Bom tive que remover o plugin existente e instalar o flashplugin da adobe. Feito isso tudo ocorreu perfeitamente.

Lógico que não troco meu Ubuntu por nada, realmente no meu caso, como usuário avançado, não tenho dificuldades de resolver os problemas encontrados. O problema é quando meus primos e amigos se queixam de que o computador com Windows deles está lento. A primeira coisa que faço é, traz para mim que eu arrumo, instalo o ubuntu e você vai ficar feliz. Realmente é o que acontece, já fiz em alguns e todos ficaram felizes, porém, o que pode acontecer se algum deles fazem a atualização?
Vão correr pra cima de mim e foi por não querer ninguém toda hora me incomodando que instalei o Ubuntu pois sei que uma vez instalado problemas não acontece.
O que quero dizer é que, talvez esse espaço de versões no Ubuntu não seja o suficiente para lançar uma versão completa ou então pouco testada. Digo isso porque, realmente não entendo, como um simples plugin que não sai som não foi percebido anteriormente.
Na minha opinião, se é para lançar assim, então não lança. Sem falar no software para criar o boot na pendriver.

Óbvio que estou no meu note com Ubuntu 9.10 tudo instalado e funcionando escrevendo este post. Fora os problemas que passei, o sistema teve grandes melhorias.
A velocidade na inicialização, o novo login muito bonito mesmo, o novo tema padrão. Sem contar que o microfone interno do note que jamais funcionou com qualquer outra versão funcionou sem problemas algum.
Eu gostei muito das propriedades do volume, mudou completamente e ficou muito melhor. O centro de aplicativos do Ubuntu ficou ótimo, fácil e útil.
Faz 3 dias que estou usando, muito provável  que encontrarei ainda muitas outras melhorias, o foco deste post é a atualização/instalação em breve farei um sobre as melhorias.

Para quem usa o amns para conversar com o pessoal do msn, a versão disponível no repositório (0.98.1) está muito boa. Só não consegui resolver o problema de codificação dos textos no aplicativo. Para mensagens não tem esse problema.

Sempre que atualizei o Ubuntu no Desktop, nunca tive problemas os problemas acontecem sempre no notebook. Sendo assim deixo a seguinte questão no ar:

Não seria interessante dar mais atenção em testes para novas versões neste tipo de equipamento visto que, atualmente, notebook está se tornando muito mais comum que os desktops?

Ubuntu, do Pidgin ao Empathy

pidgin_bird Segundo alguns blogs, a próxima versão do Ubuntu (9.10) virá sem o Pidgin e também sem o Ekiga. No lugar, será colocado o cliente Empathy, em função desta mudança, tratei de ir testar o Empathy.

sudo apt-get install empathy

minutos depois… com empathy instalado vamos aos testes.
A primeira impressão foi interessante, já reconheu todas as contas existentes no Pidgin para importação. A importação ocorreu sem problemas. Vamos a utilização.

Vale lembrar que 90% das pessoas que tenho contato online utilizam o Msn. Por isso, a primeira carência percebida no Empathy foi a inexistência de suporte de vídeo e áudio para este protocolo. O Pidgin também possui essa carência, até então, ponto para o Empathy que possui suporte de Vídeo/Áudio para protocolo do GTalk e o Pidgin ainda não.
Continuando a usar o Empathy, surgiu a necessidade de enviar um arquivo para um amigo, aí que o Empathy me derrubou. Simplesmente meu colega não recebia a notificação de que estava enviando-lhe um arquivo.
Essa, na minha opinião é uma carência que, para um software que está se tornando oficial na distruibuição Linux mais usada, não pode existir.
Algumas alegações para a alteração do software oficial seriam a necessidade de dois softwares instalados, Pidgin e Ekiga, sendo que existe um que faz as duas coisas. Outra seria o fato do pessoal do Pidgin andar meio devagar com o desenvolvimento de funcionalidades necessárias e inexistem no projeto.
Não tenho um conhecimento aprofundado de quais são as funcionalidade que a comunidade em si necessita, por isso, não estou aqui para julgar se é certo ou errado essa alteração. Porém, levando em conta o meu cenário, tanto Pidgin quanto Empathy não satisfazem as minhas necessidades. Em função disto, ainda preciso ter instalado o Amsn.
Com certeza, não vou deixar de cumprir minha obrigação com a comunidade e usar, sempre que possível, o Empathy reportando/sugerindo no Launchpad o que achar viável contribuindo para a melhor do software.