Melhora na forma de anexar arquivos no gmail.

O pessoal do Gmail fez uma ótima melhora na forma de anexar arquivos no e-mail. Agora é possível selecionar múltiplos arquivos de uma só vez e visualizar o status do upload de cada arquivo em uma barra. Esta forma facilita anexar vários itens de um mesmo diretório (ex. imagens).

gmail-multi-upload

fonte: Google Blogger

Anúncios

Tema do Hp-Mini no seu PC

Tema HP-Mini Se você está querendo colocar o tema do HP-Mini no seu Ubuntu (8.x) basta instalar os pacotes glassy-bleu-browser-skin_0.5_all.deb, gnome-backgrounds-hp_0.4_all.deb e glassy-bleu-theme_21_all.deb. Depois de instalados a configuração para  utilização do novo tema é da mesma forma que qualquer outro, Sistema -> Preferência -> Aparências.

fonte: ubuntuforums.org

Sobre o artigo IDG Now

Foi publicado um artigo na IDG Now falando que o Linux não vingou no Desktop. Concordo em partes com o artigo. Realmente o Linux ainda não vingou no Destop e não vingou por quê?

Definitivamente a culpa não está no sistema operacional, como toda mudança envolve cultura e este ponto do artigo que me chamou atenção. Segue uma frase do texto “…Nós estamos tão acostumados com o Windows que nem percebemos o quanto ele é completo e funcional para o usuário comum…”. De certa forma esta frase tem um cunho de verdade porém a “funcionalidade completa” fica estranho quando não conhecemos realmente outras opções. Todo mundo sabe que usuário algum gosta de reaprender, basta ver o transtorno que dá quando uma empresa resolve trocar algum sistema interno já usado a bastante tempo por um novo mesmo que este seja melhor. Então transporte esse problema para um sistema operacional e exponencie a quantidade de usuários, é realmente é um problema. O sistema novo (no caso o Linux) pode ser muito melhor que qualquer outro mas o problema é na mudança.

Neste ponto que trata-se de usuário o artigo tem toda a razão porém, quanto a qualidade de interfaces discordo pois, podemos deixar o Linux exatamente com a interface do Windows (não querendo dizer necessariamente que isto melhore a interface), mas mesmo assim o usuário ainda vai dizer: “Cadê meu C: daqui?”

Outro grande problema que ajuda o usuário em sua grande maioria a não trocar de SO se deve ao “Windows Piratation Edition”. Quanto dessa percentagem perquisada usa um Windows original? Até mesmo quando adquiri-se um novo computador, que vem com Windows Vista atualmente, assim que chega na sua casa o usuário já pede para o primo da vizinha colocar o XP (dos males os melhores).

Esse natal tive 4 experiências com esses computadores novos com sistemas pré instalados. Duas delas tinham Linux instalados porém como comentei neste post, a instalação era bem incompleta então coloquei Ubuntu e deixei tudo funcionando. Outras duas eram Windows Vista. Os usuários solicitaram a instalação do XP, nem preciso dizer que não faço isso. Acredito que tenha muita gente falando bem de uns SOs e mal de outros sem ter o real conhecimento da “causa”.

Quantidade não é qualidade [parte 2]

No primeiro post sobre este assunto eu opnei sobre o grande números de distribuições de “fundo de quintal”, não generalizando óbvio, que vem aparecendo ultimamente. Em função disso resolvi tentar entrar em contato com os mantenedores dos projetos. Mandei um e-mail fazendo algumas perguntas em relação a distribuição, qual o objetivo, qual a vantagem, onde se diferenciam, etc… Tentei entrar em contato com 5 dessas distribuições e apenas duas me responderam. Um dos  que responderam não era o mantenedor apenas quem noticiou a release da distribuição. Não é relevante quem ou quais distribuições responderam. Vale salientar que quem respondeu as respostas foram satisfatórias, apesar de eu discordar de algumas opiniões. O que ficou claro é que, se tentei mostrar interesse por esses projetos e não fui ouvido na maioria,  o que posso esperar dessas distros? Excluindo os que responderam que foram bem convincentes em relação aos objetivos das suas respectivas distribuições.

Apesar de existirem bons projetos ainda prefiro utilizar distribuições já difundidas na comunidade por serem bem mais estáveis que pequenas distros.

Agradeço aos que responderam pela atenção despreendida. E deixo no ar a questão da qualidade x quantidade.